domingo, 28 de novembro de 2010

O Aprendiz Malazarte e a Sopa de Pedra







Malazarte se despediu do Mestre e saiu pelo mundo para polir a sua pedra bruta e depois de muito andar e com muita fome ele chegou a uma casa onde morava um casal muito mesquinho. Viu que eles tinham um bonito pomar,uma horta verdejante e muitos animais no estábulo,mas não compartilhava nada com ninguém
- Então ele disse : Bom Dia Sra ! Eu sou um viajante faminto e cansado. Venho andando há muitos dias e...
Interrompendo,disse-lhe a velha:
-Diga logo o que queres, meu marido saiu e eu estou muito ocupada .
Pois bem,diz ele,estou com muita fome. Será que a senhora pode me ajudar?
-Como ajudá-lo,nem o conheço e aqui não tenho nada para oferecer.
- Não, a senhora não me entendeu,não estou pedindo nada . Se eu puder usar o fogão, só preciso de uma panela e um pouco d’água,para fazer uma “Sopa-de-Pedra” .
- Sopa de pedra?
- É... – disse ele, retirando da sacola três seixos de pedras, bem polidos .
– Com estes “seixos” aqui ,tenho feito a melhor “sopa-de-pedra” do mundo.
A velha mesquinha e curiosa atendeu ao pedido do Malazarte e lhe deu uma panela de ferro.
Malazarte, encheu a panela com água,deu três batidas ritimadas com as pedras :toc.toc...toc jogando-as dentro e botou tudo no fogo. Quando a água entrou em ebulição, ele experimentou e disse:
- Hummm!!!... Esta sopa vai ficar ótima... Só está um pouco insossa .A Sra. Não tem um pouco de sal ? Sabe,Sra, o sal é o tempero da vida !
- Claro, disse-lhe,ela, lhe alcançando o saleiro
Malazarte pôs três pitadas e com uma trolha bem longa ele a agitou a “sopa”,experimentando novamente .
- Ótimo,está ficando excelente.A Sra. Não teria um pouco de tempero,tipo alho,cebola,pimenta? Isso acentuaria o sabor e a deixaria a sopa mais cheirosa e apetitosa
-Claro, tenho uma horta com tudo isso,já trarei.
- Malazarte ,acrescenta tudo de três em três ao que a mulher curiosa lhe pergunta.
-Por que sempre você acrescenta sempre de três em três ?
Ao que ele responde:
O meu mestre é o melhor “chef cuzinière do Oriente da França” e ele dizia :”três são as verdades que sai da boca de Deus:”Sabedoria,Força e Beleza” Pois com sabedoria estou fazendo essa “sopa-de-Pedra”Com a Força do Fogo eu transformo o alimento que preciso e a Beleza é o reflexo da felicidade que fica por sermos gratos, por ela nos ter saciado a fome.
A velha foi rápido buscar o que Malazarte pedia e se esmerava para observar e aprender para fazer aquela sopa de pedra,pois pensava que certamente poderia economizar bastante com receita tão simples.
Malzarte acrescentava os novos ingredientes na panela ,usava a trolha para mexer e em seguida fazia um ar de interrogação, dúvida.
- O que foi? – perguntava ela.
- Está cada vez melhor,mas parece-me que falta alguma coisa.... Quem sabe uma fatia de lingüiça ou carne...
Ela mais do que rápido já providenciava
– Se é uma sopa tão maravilhosa, não vai ser por falta de três fatias de carne que vamos alterar essa maravilha.
Malazarte repetia seu gesto mágico, de três em três, precipitando tudo na panela. E em seguido,respirando profundamente,repetia:-Tá ficando bom!
- Ela está boa de sal e tempero,portanto saborosa.O que será que o meu mestre poderia acrescentar para ela ficar com beleza?
-Ah! Já sei está faltando alguma coisa na cor,não achas?Quem sabe algumas folhas de couve ,uma fatias de cenoura, umas batatinhas,não resolveria esse impasse?
A mulher mais do que depressa providenciou o solicitado pelo Malazarte e já não se limitava a olhar, estava ajudando como um bom aprendiz,afinal ela queria saber todas as etapas daquela sopa tão maravilhosa . A sopa borbulhando espalhava no ar aquele perfume, que abre qualquer apetite,mesmo os fechados a sete chaves.
- Pronto! Agora ela está justa e perfeita! Traga-nos os pratos,ele disse.
Nisso,chega o marido e ela disse :
-Aprendi hoje a fazer a melhor sopa do mundo ,vais ver só
Ela trouxe três pratos, e ele serviu. Enquanto ela observava para ver o que ele faria com as pedras Ele as retirou ,uma a uma, as embalou cuidadosamente e as guardou . E ela perguntou.
-Queres me vender essas pedras? .
- As pedras? Não,não posso eu ainda as estou polindo.Mas,te dou três pedras brutas , quando elas estiverem polidas, já saberás fazer uma boa sopa !!!

Sapientia, Salus e Stabilitas

JATeixeira

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

A Escolha




Eleições

Neste ano de eleições mais um recurso dentre tantos como o da liberdade de propaganda eleitoral estará disponível para os candidatos , e quando tratamos de internet ou seja uma rede global não há limites de informação e propaganda e tantos outros abusos que os seguem.Ora colocando informações duvidosas, ora desinformando ou espalhando boatos.Por exemplo, certos métodos de propaganda ou suborno são proibidos, se forem feitos verbalmente ou através de métodos visuais. Já na internet, não há como fazer um controle rígido, pois as informações saem de milhares de lugares diferentes, hospedados no mundo todo; e não há como bloquear todos os endereços que hospedam tais informações; sempre haverá sites que escaparão do controle ou tentativa de bloqueio. Outro meio que facilitará e trará votos aos candidatos é o fato de que o computador dispõe de recursos de alta complexidade tecnológica a preços irrisórios para divulgação.Atualmente,a tecnologia em 3D permite a realização de projetos visuais bem elaborados e que prendem a atenção de quem assiste,cenário ricos,que atraem,principalmente ao internauta jovem,maiores freqüentadores desse novo mundo,onde mais cedo ou mais tarde acabam entrando nesses sites, blogs de propaganda eleitoral e se convencendo de que aquele candidato é o melhor. Ou nem chega a imaginar que,talvez, 90 % desses apelo jamais sairão do papel.São propostas com apelo emotivo e como nos jogos o objetivo não é deixar o jogador ganhar e sim enriquecer o progamador do Game. No caso do político o planejado é a sua eterna perpetuação no poder.Com a ajuda de programas como o Photo Shop e outros similares eles alteram suas aparências pessoais ,fazem retoques,passando a aparecer com um aspecto jovial,moderno e cativante,quando não passa das velhas raposas matreiras que recusam as uvas,que não as alcança,dizendo que estão verdes.A internet permite a fácil e barata disseminação do joio em meio ao trigo,é preciso permanecer atento e analisar além das vãs aparências :das “bonitinha,mas ordinária” para não ser presa fácil.É obvio que nem todos são assim ,nem tudo está perdido.Por isso, o grande mérito da democracia é nos permitir a substituição. Portanto ,todos indistintamente,temos um grande poder,muitas vezes ignorado ou desconhecido:é poder da escolha.Façam uma boa escolha,pois dela,dependemos todos nós.
Postado por JATeixeira às 19:38

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Os verdadeiros selvagens




Era uma vez, um selvagem chamado “Homem”. Este selvagem, andava sempre muito bem arrumado, tinha muitos amigos também selvagens, morava em uma casa muito bonita e tinha em sua garagem um belo Chrysler novo.
“Homem” era muito feliz com sua bela vida, era dono de uma franquia mundial de hotéis;seus hotéis eram enormes, tinham de tudo: piscinas, parques de diversões, quadras de tênis, campo de futebol, e prédios gigantescos. “Homem” fazia questão que os hotéis ficassem no meio de grandes florestas:florestas africanas, na floresta dos Cárpatos na Romênia,na Amazônia, nas florestas de coníferas escandinavas, entre outras.
Ele sentia o maior prazer em dar dinheiro para o governo dos países, e desmatar essas florestas para construir seus imponentes castelos lá.
Ele não se importava em fazer em devastar a natureza :queimadas, matança de animais; para ele aquilo era ótimo, pelo menos os bichos não iriam depois “encher o saco” no seu hotel.
Ver as árvores caindo causava um imenso prazer no “Homem”. Ele olhava para os pobres bichinhos tentando fugir do fogo e morrendo queimados. E as árvores sendo consumidas pelo fogo, e ficava imaginando todo o dinheiro que seu novo hotel daria.
“Homem” também tinha um hobby para quando não estava trabalhando, este hobby era a caça esportiva; ele saia de casa cedo e ia para as florestas com sua arma. Atirava a sangue frio nos animais e os levava para casa, para se exibir para seus amigos e impressionar a esposa. Em sua casa existia muitas cabeças de alce empalhadas na parede, e de muitos outros animais empalhados,como um troféu!
Os ancestrais desse selvagem (e também alguns atuais), também se chamavam homens, costumavam a matar pessoas; era uma verdadeira honra para eles, essa brincadeira idiota chamada guerra. Eles iam, todos, para campos e ficavam atirando um no outro para ver quem matava mais, também jogavam bombas em cidades, e matavam e torturavam criancinhas pela cor de suas peles e religiões. Os que saiam da guerra vivos, eram e são considerados heróis.
Outros selvagens do passado, costumavam matar pessoas porque estas tinham deficiências ou eram contra as opiniões predominantes.
Porém, houve uma época em que os seres-humanos eram mais “civilizados”, mas por uma ironia, são chamados de “trogloditas” ou homens selvagens; estes viveram na pré-história, e matavam para sobreviver e não para mostrar para os amigos o que conseguiram caçar ou exibir cabeças empalhadas nas paredes das suas cavernas.
Os seres-humanos pré-históricos eram mais “civilizados” que os seres-humanos atuais, e isso faz pensar: Quem é o verdadeiro selvagem da história? Os seres-humanos modernos ou os pré-históricos? Os animais ou os homens?


Vyv Glam
Benedito Novo

terça-feira, 24 de agosto de 2010

"Julieta"invade casa na SC 477












Acidente SC-477 (
Benedito-Timbó)
Em uma madrugada do inverno de 2010/julho, um caminhão que transporta toras de pinus perdeu a "Julieta" que desengatou-se do reboque e invadiu a pista contrária,colidindo contra uma casa construida "sobre " o Rio Bendito.
Imaginem o susto dos ocupantes da casa,quando visistantes inesperados e barulhentos,entram quebrando tudo.
Poderia ter sido bem pior:se o caminhão estivesse com a carga de pinus,teria provocado muito mais danos a casa e provavelmente caido no rio.
Há quem diga que ele ficou feliz com a invasão desse"com terra" pois afinal,recebeu uma polpuda idenização e vai poder construir uma nova casa, em um lagar livre de enchentes.

-JATeixeira

sábado, 14 de agosto de 2010

Palencia:La Bella Desconocida


Esse foi um dos bons contatos com a Espanha.
Nesta cidade, pequena ,tranquila e desconhecida foi fundada a primeira universidade da Espanha em 1208
Embora,longe das rotas de turistas, Palência é possuidora caracteristicas peculiares :Uma imensa catedral onde encontra-se uma vasta pinacoteca.
3PG001 Jaques

segunda-feira, 28 de junho de 2010

RITI Coffee Printer


É uma impressora criada Jeon Hwan Ju, que usa a borra do café  para imprimir ,dispensando o uso de tintas  . onde a borra do café ou o resto de chá, é depositado   num cartucho especial  acoplado sobre a impressora.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

O Amor e seus Estilos



 Existe uma teoria formulada por Alan John Lee sobre o Amor e seus Estilos,Susan Hendrick e Clyde Hendrick com base nessa Teoria desenvolveram uma Escala para classificar esses estilos ou as atitudes que remete os individuos a terem esse comportamento a quem chamaram de" Estilos de amor".

1-Eros  – Amor volúvel preso a aparência física

2-Psiquê- Amor "espiritual", baseado nos sentimento eterno

3-Ludus - Onde o amor não passa de um jogo

4-Storge - Amor  de desenvolvimento lento e pleno de afeto.É um amor natural , como o que sente os pais pelos filhos.

5-Pragma - Amor interesseiro: que visualiza apenas o momento e a necessidade temporária,

6-Mania - Amor e emocional e instável.É o estereótipo do amor romântico

7-Agape – Amor despretensioso, altruísta.

Susan Hendrick e Clyde Hendrick apontam para dados interessantes quanto ao comportamento desses estilos encontrados em sua pesquisas. Os homens apreentam a tendencia em ser mais lúdicos e maníacos, enquanto as mulheres são muito mais pragmáticas nas suas escolhas.  Outro dado interessante revela que quando os Relacionamentos são baseados em estilos semelhantes ou atrações semelhantes duram muito mais tempo.

Em 2007, Dr. Enzo Emanuele e colaboradores da Universidade de Pavia encontraram evidencias da existência de uma base genética para tais variações individuais verificadas na Teoria dos Estilos amorosos de Alan John Lee. Eros,por exemplo, relaciona-se diretamente com a liberação de dopamina no sistema nervoso; enquanto a serotonina é liberada pelo Amor Emocional(Mania)no sistema nervoso. Amor, paixão, e loucura Além disso os estudos têm demonstrado que quando os cérebros de indivíduos apaixonados são escaneados,pode se vê uma semelhança com pessoas portadoras de distúrbios mentais. A ação amorosa cria uma atividade semelhante na mesma área do cérebro . Novos amores, portanto, poderiam ser mais emocionais do que físicos. Ao longo do tempo, essa reação ao amor muda, e diferentes áreas do cérebro são ativadas, principalmente naqueles amores que envolvem compromissos de longo prazo.

A Typology of Styles of Loving 
John Alan Lee  - University of Toronto 

Constructed ideal types differentiating between several con trasting conceptions of intimate adult affiliation ("love") were de rived from fictional and non-fictional literature. A new interview method was devised to enable individuals "in love" to reconstruct their experience in codeable form. The constructed types were tested and revised, producing a structured typology of readily distinguish able styles of loving. The salient characteristics of the six most significant styles are summarized.
Personality and Social Psychology Bulletin, Vol. 3, No. 2, 173-182 (1977)

Aqui é possivel fazer um teste sobre o assunto:

http://www.okcupid.com/quizzy/take

que dá um resltado assim:Your result for The Love Styles Test ...

43% Eros, 18% Ludus, 0% Storge, 0% Pragma, 32% Mania, 100% Agape
(o resultado acima não é meu)não testei

Abuso Linguístico.



Risco de morte ou risco de vida ?
  A imprensa generaliza expressões criadas e difundidas nos meios políticos ou mesmo criadas nos bastidores das conversas informais,coloquiais e que como todo a conversa de nossos políticos são inócuas ,vazias e não dizem absolutamente nada...com raríssimas e honrosas exceções .A imprensa tem difundido muitas palavras esdrúxulas ou ridículas ,como por exemplo:”Risco de vida” .

Cremos que é mais aceitável “risco de morte”pois se há um risco é o de morrer,Só se perde o que se tem.A não ser sob o desgoverno do apedeuta onde viver é temerário,portanto temos o risco de viver.(Temos a vida em risco)Quanto ao palatável ,usado sobre uma conversa,sobre uma lugar é o tal do desvio de sentido ,aplicação e uso.Aprendemos sobre os lugares como: aprazíveis,desagradáveis ou qualquer adjetivo que qualifique o sentido que a visão nos mostra. Palatável,como o nome indica e desdobrando a palavra sub-entende-se palato ou o “céu-da-boca” E nos parece que uma conversa não entra pela boca ou será que é daí que deriva: “Escuta aqui, ô boca aberta ! ”

De qualquer forma a imprensa é a grande responsável por difundir tais despautérios que é uma ofensa a nossa inteligência e uma agressão vulgar ao idioma que declinam(muito mal)

Temos mais um exemplo corrente e generalizado : ABRAÇO ! .O que é o abraço ou amplexo?

É um entrelaçamento com os braços: O abraço é quando duas ou mais pessoas – geralmente duas – ficam parcial ou completamente entre os braços da outra. É usado, dependendo da cultura local, como forma de demonstração de afeto de uma pessoa para outra. Através dele podemos cumprimentar ou expressar sentimentos como carinho, amor, compaixão, saudade, congratulação etc. Um abraço em alguém pode demonstrar também proteção instintiva.(dic wikipedia)

 

Abraço não se manda.Abraço se dá.Abraço é um ato de contato físico,o que podemos mandar é cumprimentos,saudações .

É como "casa gostosa",conversa gostosa" .Gosto ou Sabor é o que entra pela boca e despertam as papilas gustativas que procede a analise e determina se é doce,salgado ,azedo ,amargo ,etc...

Gostoso como “casa gostosa...” É a generalização abominável e vermelha do vernáculo ,onde quem menos tiver,menos pensa,quem menos pensa,menos sabe ,quem menos sabe ,menos diz e quem menos diz será mais facilmente dominado !

 

JTeixeira

sexta-feira, 4 de junho de 2010

A Merda La Merda Der Scheiße


A filosofia da merda


O que dizem os filósofos e pensadores sobre ela :


Kung-Fu-Tse disse:Estamos na merda
Budismo.

Buda disse:quando estamos na merda,não é verdadeiramente merda
Induísmo:Já estivemos,em vidas passadas,na mesma merda
Protestantismo: Se estás na merda,o mereceste.

Catolicismo:Se estás na merda,é para o teu próprio bem.
Islamismo:Se estás na merda,mata os responsáveis
Judeus:Por que estamos na merda sempre e somente nós ?
Testemunhas de Jeová:Estarás na merda no dia de juízo
Talibans

1-Se estás na merda,destroi os Budas

2)Se estás num mar de merda,bombardeia os Budas com artilharia pesada.

Rastafarianesimo :Passa no outro um pouco de merda,obrigado
Cientologia:Compra este livro de merda
Mormons:Eis um presente,um belo livro de Merda.

Adventista do Sétimo Dia:Estás na merda de sábado.
Calvinistas: Quem não trabalha está na merda
Culto do Sol precomlombiano:A Merda existe porque pensamos nela o dia todo.

Aborígens autralianos:O sonho da merda cria o mundo,atingindo as fezes primordiais
Inquisição:Se nós decidimos que alguém está na merda,precisamos torturá-lo para confessar·
.

Ateísmo:Estamos na merda por culpa das religiões
Agnosticismo:Buscamos argumentos concretos para verificar se estamos ou não na merda
Anticlericalismo:Estamos na merda,sabemos com certeza como quem a segura, desnecessário dizer que se trata de uma solução menor
Ateísmo+Anticlericalismo:Deus não existe,mas de qualquer forma a culpa é Sua se estamos na merda

Versão Romana:ídem com o acréscimo de :Porco dio..

Bahai:Estamos na merda porque temos muitas religiões
Raeliani:Prolonguemos científicamente para eternidade a permanença perpétua na merda..

Ghandi:Se queres resolver um problema,praticas a luta não violenta vos imergindo pacificamente na merda.

Emperdocles,diria :são cinco os elementos:Ar,Água,Fogo,Terra e Merda
Cartesiano:Penso,então porque me sinto uma merda? Cago,Ergo Sum!”
Leibniz(segundo Voltaire) O melhor dos mundo é uma merda
Direita:Ora estás na merda,não vos dais conta disso mas se votareis em nós,vos tiraremos dessa merda.

Esquerda: estavas na merda até que nos votaram então não estranhem se permanecem nela,já estavam acostumados a ela .portanto nos reelejam
Centro: vota-nos fechando o nariz

Qualquer um: Também só o fato de pensar em estar na merda exige uma tomada de decisão.Se estou dentro,quem me esfrega?
Democracia Pelo menos a merda é quente


· Comunistas:A merda deve ser produzida por todos e dividida pra todos
PT: A merda deve ser produzida por todos e consumida somente por nós,”cumpanheros”
· Lula: estamos na merda e prometi 10 milhões de empregos(pros trabalhadores ecológicos)E vou criar também o “vale-merda”

Original em italiano, daqui: http://quellicheialpiemonte.blogspot.com/2009/04/orientarsi.html

--------------==>RIQUEZA LINGUÍSTICA:MERDA<==

A palavra mais rica da língua portuguesa :versátil e de muitas aplicações .

Exemplos:

1 ) Como indicação geográfica 1: Onde fica essa MERDA?

2 ) Como indicação geográfica 2: Ora,vai à MERDA!

3 ) Como indicação geográfica 3: Já são17:00h –Não agüento mais. Vou-me embora desta MERDA.

4 ) Como substantivo qualificativo: Tu és uma MERDA!

5 ) Como auxiliar quantitativo: Trabalho que me farto e não ganho MERDA nenhuma!

6 ) Como indicador de especialização profissional: Ele só faz MERDA.

7 ) Como indicativo de MBA: Ele faz muita MERDA.

8 ) Como sinônimo de covarde: Seu MERDA!

9 ) Como questionamento dirigido: Fizeste MERDA, né?

10 ) Como indicador visual: Não se vê MERDA nenhuma!

11) Como elemento de indicação do caminho a ser percorrido: Por que não vais à MERDA?

12) Como especulação de conhecimento e surpresa: Que MERDA é esta?

13) Como constatação da situação financeira de um indivíduo: Ele está na MERDA…

14) Como indicador de ressentimento natalício: Não ganhei MERDA nenhuma de presente!

15) Como indicador de admiração: MERDA!

16) Como indicador de rejeição: MERDA!

17) Como indicador de espécie: Quem é que esse MERDA pensa que é?

18) Como indicador de continuidade: Tou na mesma MERDA de sempre.

19) Como indicador de desordem: Tá tudo uma MERDA!

20) Como constatação científica dos resultados da alquimia ou Midas ao reverso: Tudo o que ele toca transforma-se em MERDA!

21) Como resultado aplicativo: Bah! deu MERDA,mesmo!

22) Como indicador de performance esportiva: O “Curintia” não joga MERDA nenhuma!!!

23) Como constatação negativa: Mas,que MERDA,Tche !

24) Como classificação literária: Que, textozinho de MERDA!!!

25) Como qualificação de governo: O governo do PT só faz MERDA!

26) Como situação de ‘orgulho/nariz” empinado : Ela se acha muito boa e não vale ‘MERDA NENHUMA!’

27) Como indicativo de ocupação:Para teres lido até aqui, é sinal que não fazendo MERDA nenhuma!!!

28) Como alimento atributivo de estupidez PTista Quando sairmos,todos vão ficar comendo MERDA às colheradas

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Profissionais da Saúde no Brasil




Fantástico denuncia esquema entre médicos e farmácias O percentual repassado ao médico varia entre 25% e 45% do total das receitas encaminhadas à farmácia, uma prática proibida pelos códigos de ética.( http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/04/esquema-com-farmacia-garante-medicos-30-do-que-prescrevem.html

Uma paciente com pequeno distúrbio alimentar, após consulta,recebe a prescrição de determinado medicamento.Na Farmácia a atendente oferece e indica uma medicação similar,segundo ela, com os mesmos sais e princípios ativos ,pela metade do preço. Ele,diante da oferta opta pelo mais barato ,e em seguida volta ao consultório do profissional ,de quem recebe a seguinte explicação: os similares (ou bonificados)são de efeito medicamentoso inócuo ou de pouca valia,pois são feito de “farinha de trigo” e ademais as balconistas são comissionadas pelos laboratórios para indicar esses medicamentos .

Considerando que seja verdadeira a denúncia e se a lei fosse aplicada adequadamente , é certo que esses ímpetos,ou ganância desmedida, seriam tolhidos. Se o medicamento similar é feito com farinha de trigo, cabe a agencia de fiscalização o recolhimento e punição. Se não for verdadeiro, a punição do autor, de afirmação tão leviana, deveria também ser rigorosa..Ou seja, é uma patente conivência, onde vemos:” finja que eu não disse,que eu finjo que obedeço ou fiscalizo.”

Ao contatar a farmácia,o paciente recebe a informação que os profissionais da saúde é que são os verdadeiros comissionados pelos laboratórios para prescreverem os seus produtos,dali recebendo:amostras e quinquilharias(como: agendas,chaveiros,revistas,etc) as mesmas que foram distribuídas aos nossos aborígines,quando vieram os primeiros exploradores.Ou seja:acusam-se mutuamente.

Lembro-me de um caso semelhante que um bioquímico,amigo meu, afirmava queixoso: a cada vez que trocava de carro, diminuía o número de solicitações de exames;numa cruel manifestação de inveja, dos médicos que faziam tais solicitações.

Recordo-me, frequentemente, de um velho “Schneider” da pequena cidade de Donnerstadt,ao pesar a carne,ele como os “carcamano” costumava premir o prato da balança e dizia: ein kilo,bem pes(s)ado.Havia um outro,esse um “vero carcamano” que ia pra Blumenau vender na feira.Eles,os feirantes, saíam cedo de Rio dos Cedro,Rodeio,Benedito,etc .Em Blumenau, montavam as suas barracas e vendiam:aipim,(p)atata,e aves vivas,entre outras coisas. Esse que me relatou a façanha, disse que ele cobria a mesa com uma toalha e ali colocavam a balança,sob essa havia um furo,por onde passava um barbante que era preso a um pedal, em baixo da mesa.Quando o comprador queria uma galinha .ela a colocava sobre a balança e pisava no pedal,majorando o peso.Cada um de nós,com certeza inequívoca,conhece histórias semelhantes,mostrando prosaicamente a “esperteza” do outro.Parece as "As aventuras de Tom Sawyer" de Mark Twain,que li quando criança,onde Huck inventava mil peripécias na suas aventuras.Só que aqui a realidade é bem diferente das aventuras e principalmente dos propósitos de Huckberry Finn,na concepção marktwaineana,cujo propósito era melhorar e ajudar a esculpir a personalidade de Huck.

Na realidade o que tem ocorrido, ao longo da história ,do homem nesse planeta, é a marcante manifestação de caráter ou falta desse e aqueles que são corruptos ou subornáveis como donos de farmácias ou como profissionais da saúde, o serão no exercício de outras funções.Se eles fossem padres,pastores ou políticos o seriam corruptos ou subornáveis igualmente.Portanto não é o ofício que qualifica o homem,mas esse que o qualifica.A probidade e manifestação de conduta digna,séria,honrosa está intimamente ligada aos princípios que norteiam a vida,desde os seus primórdios;está na essência de cada um e dificilmente a escola ,a educação poderá mudar isto. Uma roseira mesmo plantada em condições das mais adversas ,será sempre uma roseira e estará fadada a exalar o perfume,que lhe é peculiar;por outro lado a urtiga plantada no lado mais nobre do jardim dará unicamente urticária a quem a tocar. Li uma parábola ,esses dias, onde o autor demonstra que mesmo imersa no esterco a roseira exibia um bela rosa,pois soube filtrar e deixar passar unicamente o que lhe seria útil .Cabendo-nos aprender discernir e filtrar o conveniente e deixar passar o inútil.

JAT

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Lobpreis eines alten Menschen

Lobpreis eines alten Menschen


Lobpreis eines alten Menschen

Agradecimento  de um idoso

 

Selig,die Vertändnis zeigen für meinen stolpernden Fuß und erlahmende Hand

Felizes os que entedem  os tropeços dos meus pés cambaleantes e minhas mãos desajeitadas

Seilig,die begreifen,dass mein Ohr sich anstrengen muss,um alles aufzunehmen,was man zur mir spricht

Felizes, os que entedem que meus ouvidos já não ouvem como antigamente e tenho que prestar mais atenção quando falam comigo

Selig,die zu wissen scheinen,dass meine Augen trübe und meine Gedanken träge geworden sind.

Felizes  os que entedem que os meus olhos estão turvos e os meus pensamentos mais lentos

Seilig,die mit freundlichem Lächeln verweinlen,um ein wenig mit mir zu plaudern

Felizes  os que entedem risonhos as minhas repetições e permanecem a conversar comigo  

Seilig,die niemals sagen:”Diese Geschichtr haben Sie mir heut sachon zweimal erzählt.

Felizes os que nunca dizem :esta história você já contou duas vezes

Seilig,die mich erffahren lassen,dass ich geliebt,geachtet und nicht alleingelassen bin.

Felizes os que me fazem compreender  que sou amada ,respeitada e que não me deixam sozinha

Seilig,die mir ihrer Güte die Tage erleichtern,die mir noch bleiben auf dem Weg  in die ewige Heimat.

Felizes , os que com a sua bondade me aliviam os dias que ainda me restam no meu caminho para eternidade

Verfasser unbekabbt

Autor desconhecido

quinta-feira, 15 de abril de 2010

H1N1 Vacinação


 

A propósito do tema :VACINAÇÃO na seção cartas onde um leitor do jornal de Santa Catarina,na sua edição de 14 de abril de 2010(LTBoeck) fala da restrição da vacina H1N1 como medida generalizado e condena  a ação do Gov ,que assim agindo privilegia e a aplica a tal vacina à uma camada diferenciada,descumprindo os preceitos constitucionais. Ele, ainda por esse ato, acusa o Gov de assassino,por ser um ato voluntário,unilateral e discriminatório.Na realidade assassinato seria uma acusação leve diante dos milhares ou milhões que serão filtrados por tal medida,o termo melhor seria Genocídio,ato que atenta contra a vida de milhares ,onde se perpetra um crime de forma indiscriminada às pessoas indefesas.(façam suas escolhas,vacinar ou não vacinar.Eis a questão!)

Fico triste ao saber que a vacinação contra a gripe H1N1,será aplicada somente à algumas faixas etárias.E quantos as demais faixas ? O que vai acontecer com aqueles que passaram dos 39 anos ??? ou com as crianças acima dos dois anos ???Onde fica o direito de cidadão,garantido pela nossa Carta Magna ?Ou todo esse segmento é descartável ou de segunda categoria ?Ou somos lembrados apenas nas horas de pagarmos os nossos tributos ou às vésperas de eleição???Esperemos que as nossas defesas imunológicas sejam melhores que as nossas defesas constitucionais e possamos atravessar esse inverno com plenitude ,poupar para pagar a vacina aos estabelecimentos particulares e conservarmos a cabeça erguida aguardando a eleição.

 

Sueli Becker Roeder

Scretária-Benedito Novo